O ano em que o globalismo estourou

- Pål Steigan

A mudança mais crucial ocorreu com o Brexit. A resolução britânica de retirada da UE abriu a válvula de escape para a saída da UE. Se adicionarmos a derrota do TPP  e TTIP, temos a extensão dos problemas que os globalistas enfrentam justamente em 2016

Fidel, as ideas e o pobo

- Juan Manuel Karg

 “Hai décadas onde nada pasa, e semanas onde pasan décadas” dixo algunha vez Vladimir Lenin. Este fin de ano de 2016, marcado pola elección de Donald Trump en EEUU e o pasamento de Fidel Castro Ruz en Cuba, ben podería enmarcarse na segunda parte desta frase do principal artífice da revolución rusa.

Fidel: o seu legado

- Atilio Borón

Fidel morreu, mais o seu legado -como o do Che e o de Chávez- vivirá para sempre. A súa exhortación á unidade, á solidariedade, ao internacionalismo antiimperialista; a súa reivindicación do socialismo, de Martí...

O grave problema dos tratados de libre comercio

- Ricardo Arturo Salgado Bonilla

A apoloxía do neoliberalismo é algo así como unha seita relixiosa de adoración ao diñeiro, que xera unha especie de “mundo sociedade anónima”.

Unha lectura xeopolítica do triunfo de Trump

- Juan Manuel Karg

Hai que volver interpretar o escenario internacional. A elección de Trump abre paso a unha lectura: detrás dos colapsos institucionais que se verifican na Unión Europea e os EEUU, a saída -parcial- parece vir de outsiders conservadores

A alternância do poder imperial

- Manlio Dinucci

O que muda na política externa dos Estados Unidos com a troca de guarda na Casa Branca? Certamente, não o objetivo estratégico fundamental de se manter como a potência global dominante, posição que vacila cada vez mais

Brasil: O golpe foi dado para reinstalar o neoliberalismo

- Emir Sader

Desde sua derrota em 2002, a direita brasileira se colocou como objetivo fundamental desalojar o PT do governo, para reinstalar o modelo neoliberal. Este foi adotado como seu programa desde Collor e FHC.

O que muda no mundo com a vitória de Trump?

- Lejeune Mirhan

A globalização como vinha sendo implantada no mundo, em detrimento de países inteiros, deve sofrer profundas modificações. O livre mercado e mesmo o modelo neoliberal podem ficar em cheque. Aqui o paradoxo é que governos reacionários o implantaram na década de 1970, como Reagan e Thatcher e outro governo reacionário como o de Trump poderá alterá-lo

EUA e UE

- Jorge Cadima

A candidatura de Trump, além de tentar canalizar o descontentamento em prol do sistema – e criar condições para tornar esse sistema ainda mais agressivo e anti-popular – reflecte reais clivagens no seio da classe dominante dos EUA

As portas giratórias do grande capital

- Miguel Viegas

Acompanhar o percurso dos ex-comissários ajuda-nos a aferir se assim é, tentando perceber a quem serve esta União Europeia.  Assim, na primeira comissão Barroso (2004-2010), cinco dos 13 comissários passaram a integrar directamente as fileiras do grande capital


Quizais quixo dicir:

< Abril 2020  
Lun Mar Mér Xov Ven Sáb Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30      
Próximos acontecementos
Actualmente non hai eventos próximos